Nordeste

Chuvas e ventos fortes causam alagamentos e transtornos na região Nordeste

Durante o período de chuvas, qualquer pessoa em situação de risco pode entrar em contato com a Defesa Civil do município para orientações e providências

Cidades do Nordeste registraram transtornos por causa das chuvas e vento forte registrados na noite dessa segunda-feira (23). Com previsão de pancadas de chuva forte com intensidade moderada a forte pela Agênicia Pernambucana de Águas e Clima (Apac), a orientação da Defesa civil é para que moradores de áreas de risco procurem abrigos seguros.

A capital pernambucana registrou alagamentos em vários bairros da cidade e até a Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) cancelou as aulas no período noturno devido a uma falta de energia elétrica que, segundo a instituição, foi causada pelas chuvas.  A dificuldade de locomoção causada por alagamentos, também fez com que outras universidades cancelassem as aulas nessa segunda-feira: A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), o campus Recife do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE) e a Universidade Católica de Pernambuco (Unicap).

Em Olinda, a chuva também causou transtornos. No bairro Alto da Conquista parte do forro de gesso do teto de uma escola cedeu e quase atingiu uma mulher. Já no bairro Salgadinho, uma mulher de 60 anos ficou ferida após casas serem destelhadas por causa das rajadas de vento. De acordo com o Corpo de Bombeiros, ela foi ferida na perna e levada para a Unidade de Pronto Atendimento dos Torrões. O nome da mulher não foi divulgado.

Segundo o meteorologista da Apac, Fabiano Prestrêlo, o aviso para chuvas fortes tem categoria “laranja”, que significa um “estado de atenção”. “Tivemos rajadas de vento de 75 quilômetros por hora em São Lourenço da Mata, onde foram registrados nove milímetros de chuva, assim como em Camaragibe, que teve 29 milímetros. Para amanhã, a previsão é de que continue chovendo principalmente no horário da tarde e da noite. Para o finalzinho desta segunda, ainda vamos ter alguma chuva durante a noite e madrugada”, afirmou.

Em Natal, no Rio Grande do Norte, ruas e avenidas ficaram alagados, ocasionando pontos de congestionamento na cidade. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a cidade tem previsão de receber até 100 milímetros de chuva até esta terça-feira (24).

Para o estado de Sergipe a previsão da chegada da chuva é na madrugada dessa terça-feira (24) e deverá ficar na região até a próxima quinta-feira (26), quando os termômetros registrarão temperaturas mais baixas.

Durante o período de chuvas, qualquer pessoa em situação de risco pode entrar em contato com a Defesa Civil do seu município para orientações e providências.

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com