Geral

Casa Branca diz que não defende mudança de regime na Rússia

Senador republicano defendeu assassinato de Putin

A Casa Branca disse nesta sexta-feira (4) que não defende uma mudança de regime político na Rússia. A afirmação da porta-voz do governo Biden, Jen Psaki, vem após um senador dos Estados Unidos defender que os russos “acabassem” com o presidente do país, Vladimir Putin.

“Não estamos defendendo a morte do líder de um país estrangeiro ou a mudança de regime. Essa não é a política dos Estados Unidos”, disse a porta-voz da Casa Branca, Jen Psaki, a repórteres.

O senador Lindsey Graham, um republicano da Carolina do Sul, sugeriu que a única forma de terminar com a guerra é “alguém na Rússia acabar com esse cara”: “você estaria prestando um grande serviço ao seu país – e ao mundo”, escreveu no Twitter.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com