Bahia

Barragem de Pedra do Cavalo tem aumento na vazão após forte chuva na Bahia

Empresa que administra a barragem diz procedimento é feito para controlar entrada e saída de água e é feito de maneira segura.

A empresa que administra a barragem de Pedra do Cavalo, entre as cidades de Cachoeira e Governador Mangabeira, no recôncavo baiano, informou que ampliou a quantidade de água liberada pelas comportas a partir deste domingo (26).

A Votorantim Energia disse que a vazão pode chegar a 1.500 m³ por segundo, volume máximo da calha do rio, de acordo com as regras de operação, e neste domingo está na capacidade de 63,50% de volume útil dos reservatórios.

De acordo com a empresa, o procedimento pode ocorrer de acordo com a necessidade faz parte das operações da usina, realizadas de forma controlada para garantir a segurança.

Na quarta-feira (22), todas as cinco comportas da barragem foram abertas para liberar maior volume de água e prevenir as cheias.

Abertura de comportas em Jequié

 

Usina da Pedra faz parte da bacia do Rio de Contas, em Jequié — Foto: Reprodução/TV Sudoeste

Usina da Pedra faz parte da bacia do Rio de Contas, em Jequié — Foto: Reprodução/TV Sudoeste

A Companhia Hidrelética do São Francisco (Chesf) anunciou a abertura de seis das sete comportas do reservatório da Usina da Pedra, em Jequié, neste domingo (26), para dar vazão à água acumulada por causa das fortes chuvas que atingem a região sudoeste da Bahia.

No sábado (25), o Rio de Contas, onde fica a barragem, transbordou e invadiu o Centro de Canoagem de Ubaitaba, cerca de 100 km distante de Jequié.

De acordo com a companhia, o reservatório atingiu 65,76% do volume útil, com afluência (quantidade de água que entra no reservatório) de 743 m³ por segundo e defluência (volume de água que sai) média diária de 363 m³ por segundo.

De acordo com a Chesf, com a chuva, a afluência passou para 1.800 m³ por segundo e foi necessário elevar a defluência para 800 metros cúbicos por segundo para controlar a quantidade de água neste domingo.

A companhia acrescentou que o procedimento faz parte de um protocolo de segurança e manutenção rigorosamente calculado e não apresenta riscos de inundação ou acidente à população vizinha.

Cidades em situação de emergência

O governador Rui Costa, assinou neste domingo (26), novo decreto que inclui mais 47 cidades e a Bahia passa a ter 72 municípios em situação de emergência provocada pela chuva. Até sábado (25), 25 cidades faziam parte da lista.

Com o aumento do número de cidades atingidas pelas fortes chuvas, o Governo do Estado ampliou a estrutura de apoio às vítimas.

Além de Ilhéus, as cidades de Itapetinga, Vitória da Conquista, Ipiaú e Santa Inês também contam com postos avançados para facilitar o trabalho dos bombeiros. Em Itamaraju, continua funcionando o gabinete avançado do Estado para dar assistência aos municípios do extremo sul.

O governador Rui Costa sobrevoou regiões alagadas e se reuniu com equipes de socorro para tomar decisões de emergência.

 

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com